13 dezembro 2010

Videoaula - Questões Comentadas

Eis duas videoaulas que acabei de gravar com 04 questões comentadas!

Parte I



Parte II

06 dezembro 2010

Oferta Especial de Natal: Qualquer curso por R$ 40,00 (Promoção Encerrada!)

Atualização (dezembro/2010): Os cursos acima não são mais vendidos em formato DVD. Para adquiri-los em formato online, basta acessar www.portuguesemfoco.com
Esta promoção terminou em 25/12/2010.

Neste Natal, o Português em Foco traz a todos os nossos alunos uma oferta especial: Qualquer um dos nossos Cursos por apenas R$ 40,00!
VANTAGENS
1. Todos os Cursos são totalmente Online
2. Não há horário pré-definido para assistir às aulas, ou seja, você estuda no horário que desejar.
3. Você tira todas as suas dúvidas por meio do nosso fórum.
4. Você aprende - de forma clara e objetiva - os conteúdos mais cobrados
em qualquer concurso!
5. Você faz download de apostilas de Exercícios com Gabarito!
DESCONTOS
Para este Natal, preparamos descontos incríveis, veja somente alguns exemplos:
1. Curso de Português Compacto (aborda teoria gramatical e interpretação de textos; curso com 15 aulas e 2 meses e meio de duração)
Valor: R$ 109,90 => Promoção "Natal em Foco" = R$ 40,00
Desconto: 69,90

***********
2. Curso de Exercícios Cespe/UnB (a Professora Eliane Vieira comenta passo a passo 105 questões com os assuntos mais explorados pelo Cespe/Unb; são 07 aulas; 2 meses de duração)
Valor: R$ 89,90 => Promoção "Natal em Foco" = R$ 40,00
Desconto: 49,90
***********
3. Curso de Português Básico (sintaxe) ou (Morfologia): aborda os 10 conteúdos básicos presentes em qualquer concurso público,
ideal para quem quer partir do zero e conquistar bons resultados em provas;
são 10 aulas, 02 meses de duração.
Valor: R$ 69,90 => Promoção "Natal em Foco" = R$ 40,00
Desconto: 29,90
***********
4. Curso Intermediário (ideal para aqueles que já possuem algum conhecimento gramatical
e desejam aprimorá-lo; teoria objetiva e exercícios)
Valor: R$ 49,90 => Promoção "Natal em Foco" = R$ 40,00
Desconto: 9,90
E NÃO PARA POR AÍ!
Além dos nossos cursos, todos os DVDs - Português em Foco também participam desta promoção:
1. Coleção Assuntos Gramaticais (aborda crase, transitividade verbal, vozes verbais, complementos verbais e regência verbal; são mais de 380 minutos de teoria objetiva, sem interrupções)
Valor: R$ 99,50 => Promoção "Natal em Foco" = R$ 75,00
Desconto: 24,50
Frete GRÁTIS para todo Brasil /Entrega em 06 dias úteis
***********
2. Coleção Questões Comentadas (coleção com 15 questões comentadas das principais bancas organizadoras do país, tais como ESAF, FCC, CESPE, NCE, CESGRANRIO, são 75 questões detalhadamente comentadas; mais de 400 minutos de comentários, sem interrupções)
Valor: R$ 99,50 => Promoção "Natal em Foco" = R$ 75,00
Desconto: 24,50
Frete GRÁTIS para todo Brasil /Entrega em 06 dias úteis
***********
3. Curso Básico em DVD (todas as aulas do curso Básico Sintaxe ou do Curso Básico Morfologia também estão disponíveis em DVD, são mais de 400 minutos de teoria objetiva em sua casa!)
Valor: R$ 139,90 => Promoção "Natal em Foco" = R$ 99,00
Desconto: 40,90
Frete GRÁTIS para todo Brasil /Entrega em 06 dias úteis
======
Além desse excelente desconto de Natal, você pode parcelar suas compras em até 18x no Cartão de Crédito ou se preferir, pode optar por:
  • Boleto Bancário (taxa de R$ 1,00 cobrada pelo Pagseguro)
  • Transferência Bancária
  • Depósito Bancário (Bradesco): solicitar o número da conta por email
Aproveitem!
Um Abraço,
Eliane Vieira

22 novembro 2010

Curso de Português Básico Agora em DVD! (Promoção Encerrada)

O Curso de Português Básico (Sintaxe) e o Curso de Português Básico (Morfologia) abordam os conteúdos principais exigidos em qualquer concurso público, tais como: concordância verbal, crase, verbos, vozes verbais, regência nominal e verbal, acentuação gráfica, ortografia, divisão silábica, colocação pronominal entre outros.
Esses dois cursos foram lançados no Português em Foco em janeiro/2010 e foram os cursos mais elogiados, porque trata daqueles assuntos que as bancas sempre "cobram" e que realmente podem trazer dúvidas!
As aulas são desenvolvidas passo-a-passo, com teoria objetiva e vasta exemplificação, a fim de que o aluno realmente aprenda!
A grande novidade do Português em Foco é que tais cursos agora serão oferecidos em DVD!
Você pode levá-los para casa e assistir a eles quantas vezes quiser, na hora que desejar!

Atualização (dezembro/2010): Os cursos acima não são mais vendidos em formato DVD. Para adquiri-los em formato online, basta acessar www.portuguesemfoco.com

27 outubro 2010

Flexão Verbal - Introdução

Flexão Verbal - IntroduçãoA classe dos verbos é de longe a responsável pelo maior número de questões em provas de concurso.
As bancas examinadoras podem explorar assuntos, tais como: vozes verbais, concordância, regência, modos verbais, etc;
Por ser um item bastante presente em provas, o Português Concurso lança a série "Flexão Verbal".
Publicarei, durante determinado período, o máximo de informação possível sobre a classe dos verbos.
Amanhã, será disponibilizado o primeiro artigo da série: Flexão verbal: pessoa e número!
Não percam!

26 outubro 2010

Não Confunda: Mais ou Mas?

Não Confunda: Mais ou Mas?Na aula anterior, estudamos o emprego e clasificação de duas palavras que podem trazer dificuldades na hora da aplicação ao texto: maL e maU.
Hoje, no segundo artigo da série "Não Confunda", estudaremos o emprego e classicação das palavras maIs e maS.
Antes de falarmos propriamente dos assuntos gramaticais, quero pedir a vocês que sugiram algumas palavras ou expressões para fazer parte desta série. Deixe sua sugestão nos comentários.

Classe Gramatical
  • Mais: funciona morfologicamente com advérbio de intensidade.
Sempre soube que era mais romântico que ele.
A aluna mais inteligente é a Rita.

Cabe ressaltar que esta palavra também pode encerrar ideia de adição, soma. Veja:

Cinco mais cinco são dez!
  • Mas: conjunção coordenativa adversativa, expressa ideia de oposição, contrariedade.
Reservou os ingressos, mas não os pagou.
Era bonitinha, mas ordinária.

Por funcionar como conjunção adversativa, pode ser substituída por "porém, todavia, contudo, no entanto, entretanto, não obstante". Assim:

Reservou os ingressos, todavia não os pagou.
Reservou os ingressos, contudo não os pagou.
Reservou os ingressos, no entanto não os pagou.
Reservou os ingressos, entretanto não os pagou.
Reservou os ingressos, não obstante não os pagou.

Até o próximo artigo,
Eliane Vieira

22 outubro 2010

Videoaula Grátis: Questão comentada NCE/UFRJ

Este vídeo é somente uma prévia do DVD Questões Comentadas NCE/UFRJ do Português em Foco.
Abordo nesta questão da ANAC/2007 o emprego da vírgula.
Observação: o DVD não está mais à venda. Caso queira assistir ao vídeo completo, acesse nosso curso de Português: Português em Foco

18 outubro 2010

Não Confunda: Mau ou Mal?

Não Confunda: Mau ou Mal?Existem algumas palavrinhas que nos podem confundir na hora da escrita, a exemplo, os porquês, mau x mal, há x a, etc.
Pensando nisso, inicio hoje a série "Não confunda". Nesta, abordarei, de forma prática e objetiva, a grafia certa de várias palavras ou expressões.
Para começar, falaremos sobre o emprego do "L" e do "U" nas palavras: Mau e Mal.

1. Significado
  • Mau: antônimo de bom
  • Mal: antônimo de bem
2. Classe Gramatical
  • Mau: pertence à classe dos adjetivos e como tal, refere-se a um substantivo. Veja alguns exemplos:
Sempre foi um mau esposo.
                             Adj. Subst.

Era um mau momento para falar.

                                                                                           Adj.            Subst.

  • Mal: pode ser advérbio de modo, conjunção temporal ou substantivo:

a) Advérbio de Modo:

Ele escreveu mal.
Essa menina é mal-educada.


b) Conjunção Temporal: equivale a "Assim que; logo que"

Mal parou de chover, ele foi embora.
                                                                     (= logo que; assim que)

Mal paramos o carro, Maria acenou.
                                                                       (= logo que; assim que)


c) Substantivo: deve estar precedido de artigo ou outro determinante.

O mal não vencerá o bem.
A mentira é um mal que nos aflige.

3. Considerações

Usar tais palavras não é tão difícil assim, basta que guardemos as dicas acima para seguramente escrever os mais variados tipos de textos.
E você, qual palavra ou expressão acha que deve fazer parte da série "Não confunda"? Deixe seu comentário!
Até já,
Eliane Vieira

O que aconteceu com o [Português | Concurso ] em Setembro/2010

O que aconteceu com o [Português | Concurso ] em Abril/2010O mês de Setembro chegou ao fim. Hora de compartilhar as estatísticas do [Português | Concurso]. Vamos a elas!

No mês de Agosto de 2010, segundo o Google Analytics, tivemos 61.025 visitas. vejamos os números de Setembro:

Número de Visitas em Setembro/10: 71.803
Número de aulas em
Setembro/10: 0
Total de artigos/ aulas: 314


Estamos crescendo cada vez mais, muito obrigada a todos que visitam o [Português | Concurso]

O que aconteceu com o [Português | Concurso ] em Agosto/2010

O que aconteceu com o [Português | Concurso ] em Abril/2010O mês de Agosto chegou ao fim. Hora de compartilhar as estatísticas do [Português | Concurso]. Vamos a elas!

No mês de Julho de 2010, segundo o Google Analytics, tivemos 38. 655 visitas. vejamos os números de Agosto:

Número de Visitas em Agosto/10: 61.025
Número de aulas em
Agosto/10: 03
Total de artigos/ aulas: 330


Recuperamos o número de visitas neste mês! Muito obrigada a todos!

O que aconteceu com o [Português | Concurso ] em Julho/2010

O que aconteceu com o [Português | Concurso ] em Abril/2010O mês de Julho chegou ao fim. Hora de compartilhar as estatísticas do [Português | Concurso]. Vamos a elas!

No mês de Junho de 2010, segundo o Google Analytics, tivemos 38. 388 visitas. vejamos os números de Julho:


Número de Visitas em Julho/10: 38.655
Número de aulas em
Julho/10: 05
Total de artigos/ aulas: 327


Neste mês o número de visitas caiu um pouco, acredito que deva ser pela pouca publicação.

O que aconteceu com o [Português | Concurso ] em Junho/2010

O que aconteceu com o [Português | Concurso ] em Abril/2010O mês de Junho chegou ao fim. Hora de compartilhar as estatísticas do [Português | Concurso]. Vamos a elas!

No mês de Maio de 2010, segundo o Google Analytics, tivemos 46. 886 visitas. vejamos os números de Maio:

Número de Visitas em Junho/10: 38.388
Número de aulas em
Junho/10: 08
Total de artigos/ aulas: 322


Neste mês o número de visitas caiu um pouco, acredito que deva ser pela pouca publicação.

O que aconteceu com o [Português | Concurso ] em Maio/2010

O que aconteceu com o [Português | Concurso ] em Abril/2010O mês de Maio chegou ao fim. Hora de compartilhar as estatísticas do [Português | Concurso]. Vamos a elas!

No mês de Abril de 2010, segundo o Google Analytics, tivemos 44. 357 visitas. vejamos os números de Maio:

Número de Visitas em Maio/10: 46.886
Número de aulas em
Maio/10: 16
Total de artigos/ aulas: 314


Estamos crescendo cada vez mais, muito obrigada a todos que visitam o [Português | Concurso]

13 outubro 2010

Coleção "Questões Comentadas" - Lançamento

O Português em Foco tem o imenso prazer de lhes apresentar a Coleção de DVDs "Questões Comentadas". Abaixo, destaco alguns pontos importantes sobre a Coleção:


1. Por que uma coleção com 05 DVDs sobre questões comentadas?
Porque, simplesmente, o candidato a Concurso Público, por meio das questões comentadas, terá vários "atalhos" em sua caminhada. Em cada questão, por exemplo, comento pontos específicos da matéria que são cobrados sistematicamente pelas principais bancas; isso ajuda, e muito, aqueles que precisam alavancar o ritmo de estudos.

2. Por que escolheu essas 05 bancas?
Atualmente, essas são as bancas organizadoras de maior prestígio nos principais concursos do Brasil.
Como a coleção só poderia ser composta por 05 DVDs, selecionei aquelas que sempre organizam e elaboram os concursos mais concorridos, quais sejam: Tribunais, área Fiscal, Ministérios etc.

3. Como foram selecionados os conteúdos?
Foi bastante difícil selecionar os 15 assuntos com maior incidência nos últimos anos...Todavia, pensei o seguinte: o que a FCC mais cobra?Fiz uma pequena lista de alguns itens e organizei os conteúdos.
Quem assistir à aula sobre a FCC verá que não pode deixar de estudar verbos, vozes verbais, transitividade verbal, crase e regência, por exemplo. O DVD é uma das formas para "prever" o que constará nas próximas provas.

Lançamento: Coleção "Questões Comentadas"

ATENÇÃO: COLEÇÃO ESGOTADA!



DVD Português em Foco - Cespe

No DVD Questões Comentadas Cespe/UnB você se familiarizará com o comando das questões propostas pela banca e terá a oportunidade de acompanhar a resolução de 15 questões com os assuntos mais cobrados em provas Cespe.

DVD Português em Foco - ESAF

No DVD Questões Comentadas ESAF, a professora Eliane Vieira mostra como são os textos propostos por essa banca e ainda, como resolver questões de adequação vocabular, referência , correção textual entre outros. Através das 15 questões contidas neste DVD, o concursando não perde tempo com teorias complicadas, pelo contrário, aprende - de forma simples e objetiva - os assuntos mais explorados em provas.


DVD Português em Foco - FCC

No DVD Fundação Carlos Chagas, o candidato a Concurso Público aprende as principais características da banca, bem como os assuntos de maior incidência em concurso.
São 15 questões, devidamente comentadas, mostrando como não cair nas armadilhas gramaticais, muito frequentes em provas.
DVD Português em Foco - Cesgranrio

No DVD Questões Comentadas Cesgranrio, a professora Eliane Vieira ensina, por meio de 15 questões detalhadamente resolvidas, os assuntos de maior incidência em Concurso Público, tais como ocorrência da crase, concordância, pontuação entre outros.







DVD Português em Foco - NCE/UFRJ

No DVD Questões Comentadas NCE/UFRJ, você aprenderá os conceitos mais explorados, nos últimos anos, por essa banca.
Com 15 questões detalhadamente comentadas, o candidato consolida os assuntos e alavanca, de forma surpreendente, os estudos em língua portuguesa. Neste DVD, você conhecerá os principais assuntos cobrados pelo NCE.




Apesar de a coleção de DVD's está esgotada, você pode adquirir o acesso a todo o conteúdo do nosso curso. Para mais informações, acesse: www.portuguesemfoco.com

12 outubro 2010

Coleção "Questões Comentadas"

Hoje é um dia bastante especial para mim, pois finalmente o DVD Português em Foco está pronto!
Esta coleção será lançada em duas partes: hoje (16/08/2010) é o lançamento de 05 títulos: Crase, Regência Verbal, Transitividade Verbal, Complementos Verbais, Vozes Verbais!
Vale lembrar que TODAS as aulas do DVD são Novíssimas, gravadas no início de Agosto/2010.
Espero que gostem! Até já!

Lançamento do DVD - Português em Foco!

ATENÇÃO: COLEÇÃO ESGOTADA!


DVD Português em Foco - Crase
O DVD Crase aborda os casos mais cobrados em Concursos Públicos. De forma simples e objetiva, a Professora Eliane Vieira ensina a você como usar corretamente a crase.
Passo a passo o aluno aprende os casos em que ocorre obrigatoriamente a crase, os casos facultativos, os casos em que não se pode usar a crase e ainda, casos especiais. Tais como a crase no paralelismo sintático e nas horas.


DVD Português em Foco - Regência Verbal
O DVD Regência Verbal aborda a regência dos 31 verbos mais cobrados em Concursos Públicos. Passo a passo a Professora Eliane Vieira ensina a regência dos verbos assistir, visar, prescrever, aludir, proceder, anuir, chegar, implicar, pagar, perdoar, aspirar, informar, certificar, chamar entre outros.






DVD Português em Foco - Transitividade Verbal
O DVD Transitividade Verbal aborda de forma sistemática os conceitos acerca de verbos de ligação (não nocionais) e verbos de ação, chamados também de nocionais.
Neste DVD, a Professora Eliane Vieira ensina esta matéria de acordo com o Contexto em que o verbo está inserido. DVD essencial para quem vai fazer provas para Concurso Público.





DVD Português em Foco - Complementos Verbais
O DVD Complementos Verbais aborda, de forma clara e objetiva, os complementos do verbo, tais como Objeto Indireto, Objeto Direto Preposicionado, Objeto Pleonástico, Objeto Direto Interno ou Cognato e ainda, a Professora Eliane Vieira ensina como os pronomes oblíquos podem atuar como Complementos Verbais.







DVD Português em Foco - Vozes Verbais
O DVD Vozes Verbais trata de um dos assuntos mais explorados em Concursos Públicos. Nele, a Professora Eliane Vieira ensina como identificar corretamente a voz ativa, passiva e reflexiva, além de mostrar passo a passo como passar uma frase da voz ativa para voz passiva seja com tempo composto ou com mesóclise.
Será que você sabe como passar a frase "Vender-te-ei um apartamento" para voz passiva? Não? Então, descubra neste DVD .



Apesar de a coleção de DVD's está esgotada, você pode adquirir o acesso a todo o conteúdo do nosso curso. Para mais informações, acesse: www.portuguesemfoco.com


16 agosto 2010

DVD - Português em Foco (Lançamento)

Hoje é um dia bastante especial para mim, pois finalmente o DVD Português em Foco está pronto!
Esta coleção será lançada em duas partes: hoje (16/08/2010) é o lançamento de 05 títulos: Crase, Regência Verbal, Transitividade Verbal, Complementos Verbais, Vozes Verbais!
Vale lembrar que TODAS as aulas do DVD são Novíssimas, gravadas no início de Agosto/2010.
Espero que gostem! Até já!

Lançamento do DVD - Português em Foco!

ATENÇÃO: COLEÇÃO ESGOTADA!

DVD Português em Foco - Crase
O DVD Crase aborda os casos mais cobrados em Concursos Públicos. De forma simples e objetiva, a Professora Eliane Vieira ensina a você como usar corretamente a crase.
Passo a passo o aluno aprende os casos em que ocorre obrigatoriamente a crase, os casos facultativos, os casos em que não se pode usar a crase e ainda, casos especiais. Tais como a crase no paralelismo sintático e nas horas.


DVD Português em Foco - Regência Verbal
O DVD Regência Verbal aborda a regência dos 31 verbos mais cobrados em Concursos Públicos. Passo a passo a Professora Eliane Vieira ensina a regência dos verbos assistir, visar, prescrever, aludir, proceder, anuir, chegar, implicar, pagar, perdoar, aspirar, informar, certificar, chamar entre outros.





DVD Português em Foco - Transitividade Verbal
O DVD Transitividade Verbal aborda de forma sistemática os conceitos acerca de verbos de ligação (não nocionais) e verbos de ação, chamados também de nocionais.
Neste DVD, a Professora Eliane Vieira ensina esta matéria de acordo com o Contexto em que o verbo está inserido. DVD essencial para quem vai fazer provas para Concurso Público.





DVD Português em Foco - Complementos Verbais
O DVD Complementos Verbais aborda, de forma clara e objetiva, os complementos do verbo, tais como Objeto Indireto, Objeto Direto Preposicionado, Objeto Pleonástico, Objeto Direto Interno ou Cognato e ainda, a Professora Eliane Vieira ensina como os pronomes oblíquos podem atuar como Complementos Verbais.




DVD Português em Foco - Vozes Verbais
O DVD Vozes Verbais trata de um dos assuntos mais explorados em Concursos Públicos. Nele, a Professora Eliane Vieira ensina como identificar corretamente a voz ativa, passiva e reflexiva, além de mostrar passo a passo como passar uma frase da voz ativa para voz passiva seja com tempo composto ou com mesóclise.
Será que você sabe como passar a frase "Vender-te-ei um apartamento" para voz passiva? Não? Então, descubra neste DVD .



Apesar de a coleção de DVD's está esgotada, você pode adquirir o acesso a todo o conteúdo do nosso curso. Para mais informações, acesse: www.portuguesemfoco.com



09 agosto 2010

Videoaula Grátis - Exercícios Cespe/UnB

Este é um vídeo-demonstrativo do curso Completo de Exercícios Cespe/Unb - Português em Foco!
Ainda esta semana, teremos novidades aqui no blog. Não percam!

27 julho 2010

Exercícios de Interpretação de Texto - Com Gabarito!

Exercícios de Interpretação de Texto - Com Gabarito!10 exercícios de interpretação de textos para concursos. Mãos à obra!



Instruções para as questões de números 1 a 6.

Cada um dos períodos abaixo foi redigidos de cinco formas diferentes. Leia-os todos com a tenção e selecione a letra que corresponde ao período que tem melhor redação, considerando correção, clareza, concisão , elegância.


01 - (SJRP-JUNDIAÍ)

a) Um sentimento pungente me dominava, abafando uma vaga, uma imprecisa sensação de sarcasmo.

b) Eu sentia duas coisas: uma imprecisa sensação de sarcasmo e um sentimento pungente que, ao dominar-me, abafava o mesmo.

c) Uma imprecisa e vaga sensação sarcástica me abafava a pungência que me dominava.

d) O sarcasmo impreciso e vago era abafado pelo sentimento que eu sentia, pungente dentro de mim.

e)Tão pungente que era, denominava-me um sentimento que abafava a sensação de sarcasmo, por sua vez, vaga e imprecisa.

02 - (SJRP-JUNDIAÍ)

a)A pouco a pouco, eis que vão desaparecendo do nosso litoral do Ceará as dunas, que restavam como derradeiro recurso natural doa últimos que o homem não tocou.

b)As constas Cearenses estão perdendo aos poucos as dunas, que o homem deixou em último lugar, dos recursos naturais que ele mesmo vai destruindo.

c)As dunas que representam um dos últimos recursos naturais intocados pelo homem, estão desaparecendo pouco a pouco da costa cearense.

d)No Ceará, vão sumindo pouco por pouco os recursos naturais de que as dunas são um deles, mas o homem vai pondo a perder, o litoral

e)Por obra do homem, os recursos naturais entre os quais as dunas da costa do Ceará, vão sendo destruídas aos poucos.

03 - (SJRP-JUNDIAÍ)

a)A política externa americana, depois da guerra, precisa fornecer aos seus presidentes um triunfo ribombante, para que em política interna os mesmos criem uma boa imagem de si.

b)As imagens dos presidentes americanos, como se viu depois da guerra, só ficam boas internamente quando um sucesso enorme externamente contribui para tal melhoria.

c)Após a guerra, o exemplo que se vê é esse, que todos os presidentes americanos melhorem sua imagem interna às custas de uma política externa capaz de fazê-lo.

d)Em termos de imagem interna, sucede aos presidentes americanos que, no período de pós-guerra, só uma política externa favorável consegue melhorar a mesma.

e)A julgar pelos exemplos de pós-guerra, todo presidente americano precisa de um triunfo retumbante em política externa para firmar a sua imagem no plano interno

04 - (SJRP-JUNDIAÍ)

a)Empurradas por ventos de mais de 60 quilômetros horários, as dunas, em alguns trechos, chegaram a avançar até 300 metros.

b)Os ventos, de até mais de 60 quilômetros por hora, empurraram as dunas, avançando-as em certos pontos de até 300 metros.

c)As dunas que são empurradas por ventos que ultrapassam 60 quilômetros à hora , ocuparam trechos que avançam até 300 metros.

d)A velocidade de mais de 60 quilômetros à hora imprimem um impulso nas dunas em alguns trechos, cobrindo uma faixa de até 300 metros, devido ao vento.

e)Cerca de 300 metros de certos trechos, foram cobertos pelas dunas que avançavam; tendo sido empurradas pelo vento de mais de 60 quilômetros horários.

05 - (SJRP-JUNDIAÍ)

a)Impossível dizer, no que tange ao atual movimento poético, a extensão e sua persistência.

b)A persistência e extensão do movimento poético da atualidade é impossível determinar.

c)É impossível determiná-los, com relação à persistência e extensão do movimento poético contemporâneo.

d)Não é possível determinar nem a extensão nem a persistência do atual movimento poético.
e)É impossível determinar a extensão como a persistência da atualidade da poesia que nele se faz.

06 - (SJRP-JUNDIAÍ)

a)Esta presente geração hodierna, se guardar o entusiasmo, terá o futuro em suas mãos.

b)Na mão do jovem está o futuro, senão afrouxar seu entusiasmo.

c)Contando que lhe não afrouxe o entusiasmo, a geração atual tem nas mãos o futuro.

d)Se não lhe afrouxar o entusiasmo, o futuro pertence à mão do jovem atual.

e)Guardando o entusiasmo, será esta a condição par que a geração atual tenha ao futuro nas mãos.

Instruções para as questões de número 7 a 10.

Essas questões referem-se à compreensão de leitura. Leia atentamente cada uma delas e assinale a alternativa que esteja de acordo com o texto. Baseie-se exclusivamente nas informações nele contidas.

07 - (UEMT-LONDRINA) “Não muito remota é a conquista pedagógica que consiste na interpretação psicológica da criança como criança, e não como adulto em miniatura. Até
então, a criança tinha sido considerada do ponto de vista do adulto, olhada como um adulto ante um binóculo invertido; aquilo que fosse útil ao inútil par o adulto, igualmente o seria, guardadas as devidas proporções para a criança.”

Segundo o texto:

a)O comportamento da criança é a uma antecipação do comportamento do adulto.

b)Atualmente, a pedagogia considera a criança um ser qualitativamente diferenciado do adulto.

c)A pedagogia moderna, para interpretar o comportamento do adulto, tem que reportar-se à infância.

d)Para a corrente pedagógica moderna, a não ser por uma questão de grau, a motivação intrínseca da criança é a mesma que a do adulto.

e) O comportamento humano é explicado por fatores que são os mesmo tanto par a criança quanto para o adulto.

08 - (UEMT-LONDRINA) “Para vendermos produtos, mesmos mais baratos, os salários das classes mais baixas precisariam ser maiores.”

Conclui-se do texto que:

a)As classe pobres podem comprar apenas os produtos cujo preço foi sensivelmente reduzidos.

b)O fato de os salários serem baixos induz as classes pobres à indiferença diante de suas necessidade do consumo..

c)As calasses pobres, em face de seus baixos vencimentos, não se importam com a qualidade dos produtos que consomem.

d)As classes pobres se endividam demasiadamente, já que, por força dos baixos salários que recebem, têm poder aquisitivo muito reduzido.

e)A redução do preço dos produtos não é suficiente para colocá-los ao alcance dos salários das classes mais baixas.

09 - (UEMT-LONDRINA) “A idéia de que diariamente, cada hora, a cada minuto e em cada lugar se realizam milhares de ações que me teriam profundamente interessado, de que eu deveria certamente tomar conhecimento e que, entretanto, jamais me serão comunicadas – basta par tirar o sabor a todas as perspectivas de ação que encontro a minha frente. O pouco que eu pudesse obter não compensaria jamais esse infinito perdido.”

De acordo com o texto , para o autor:

a)a consciência da impossibilidade de participar de todos os acontecimentos diminui a importância de seus atos.

b)O interesse que o indivíduo manifesta em participar dos acontecimentos é maior que sua capacidade par dirigi-los.

c)O mundo ganha valia com o conjunto das ações humanas, mas destrói o sabor que a vida possa, individualmente, oferecer aos homens.

d)O mundo não se resolve nos gestos individuais, mas resulta do conjunto da ação harmoniosa dos indivíduos.

e)A impotência de participar dos acontecimentos de seu tempo traz, como conseqüência, o descaso pela ação humana.

10 - (UEMT-LONDRINA) “Um dia desta semana, farto de vendavais, naufrágios, boatos, mentiras, polêmicas, farto de ver como se descompõem os homens, acionistas e diretores,
importadores e industriais, farto de mim, de ti, de todos, de um tumulto sem vida, de um silêncio sem quietação, peguei de uma página de anúncios (...)".

Dizendo-se farto "de um tumulto sem vida, de um silêncio sem quietação”, o cronista permite-nos concluir que ele vê o mundo como:

a)incompreensível
b)contraditório
c)autoritário
d)Indiferente
e)Inatingível

GABARITO

01) B
02) E
03) A
04) C
05) A
06) D
07) D
08) C
09) B
10) A
Curso Online Português em Foco

20 julho 2010

Videoaula Grátis - Redação para Concursos

Videoaula Grátis - Redação para ConcursosElaborar uma Redação não é nada fácil...
É bastante comum, o candidato se sentir preparado para a prova objetiva, mas quando precisa escrever um texto dissertativo, a insegurança prevalece.
Saiba que para produzir esse tipo de texto é necessário técnica e não inspiração...
Este vídeo é um trecho demonstrativo do Curso de Redação para Concursos do Português em Foco. Nesta primeira aula, abordo alguns aspectos do texto dissertativo, espero que gostem!

13 julho 2010

Curso de Português Exclusivo + Blog do Português em Foco

Atualização: Janeiro/2012: Este Curso não está mais disponível. Para receber as dicas exclusivas oferecidas, basta preencher seus dados no formulário de contato que se encontra na barra lateral deste blog. Todo o conteúdo será enviado por e-mail e não será cobrado nada por isso.

Como foi anunciado ontem, apresento-lhes o Curso de Português Exclusivo - totalmente Gratuito - para meus queridos leitores e alunos.
Explicarei, a seguir, tudo sobre o curso. Peço que, se houver dúvida, coloque-a nos comentários!


  • O Curso
O Curso de Português Exclusivo é destinado a pessoas que estudam para Concurso e não sabem como se preparar para enfrentar as principais bancas, tais como: Cespe, ESAF, NCE, Cesgranrio, Funrio, FCC e outras



  • Estrutura
O Curso será composto de 10 videoaulas + Artigos + Conferências + Dicas.
Todos os conteúdos estarão hospedados no Blog do Português em Foco e poderão ser acessados pelos alunos por tempo indeterminado.



Pausa para Explicar sobre o Blog do 
Português em Foco...








Após o lançamento do Português em Foco, senti a necessidade de um Blog para o Curso.
Meu objetivo com este blog é não só proporcionar interação entre os leitores, como também produzir conteúdos exclusivos para meus alunos...
Digo exclusividade, pois haverá algumas aulas e artigos protegidos por senha. Tais conteúdos não serão pagos, mas somente os alunos do Curso Exclusivo terão acesso a esses artigos "secretos"!




  • Acesso
Em dias pré-definidos, os alunos matriculados no Curso Exclusivo receberão a senha de acesso, por email, e poderão assistir imediatamente às aulas.

  • Inscrição
Fazer sua inscrição no Curso de Português Exclusivo é muito fácil, basta acessar o blog do Português em Foco, inserir seus dados e pronto!

  • Ação
Não perca mais seu tempo, prepare-se para os Concursos mais Concorridos!
Faça Agora sua inscrição!

12 julho 2010

Pré-Lançamento do Curso Exclusivo

Como divulguei na sexta-feira 08/07/2010, hoje revelo o presente que darei a Todos aqueles que estudam Língua Portuguesa seja para Concurso Público, seja para outros fins.
Todos os leitores do [Português | Concurso] já sabem que, em janeiro de 2010, lancei o meu próprio Curso de Português para Concursos - Português em Foco - naquela ocasião, presenteei 02 leitores do Blog com um Curso de Português Básico (Sintaxe).

09 julho 2010

Na Próxima Semana, não Percam as Novidades Neste Blog!

Nestes dias, não atualizei este blog, pois estava bastante ocupada preparando algumas novidades para vocês!
Já antecipo que tudo está sendo preparando com muito carinho e cuidado, a fim de que vocês tenham o melhor possível, em nível de preparação para Concurso Público.
Então, queridos, na segunda-feira 12/07/2010, todos serão surpreendidos com o presente que darei a vocês!

 Na Próxima Semana, não Percam as Novidades Neste Blog!

23 junho 2010

Videoaula Grátis -Predicação Verbal para Concursos

Videoaula Grátis -Predicação Verbal para ConcursosVideoaula sobre as principais características da predicação verbal. Boa Aula!


Videoaula Grátis - Exercícios

Videoaula Grátis - Exercícios Neste vídeo, comento alguns exercícios sobre os tipos de sujeito!


Videoaula Grátis - Sujeito Indeterminado e Oração sem Sujeito

Videoaula Grátis - Sujeito Indeterminado e Oração sem sujeitoSó hoje me dei conta de que algumas das minhas videoaulas inseridas no youtube não estão aqui no blog. :(
Este vídeo trata das principais características do Sujeito Indeterminado e da Oração sem Sujeito. Espero que gostem!
Abraço!


30 Exercícios de Colocação Pronominal com Gabarito

exercícios colocação pronominal gabaritoEm alguns casos, os pronomes oblíquos átonos (me, te, se, o, os, a, as, lhe, lhes, nos, vos) podem aparecer antes do verbo (próclise), depois do verbo (ênclise) ou no meio do verbo (mesóclise). Já estudamos aqui no blogue sobre a colocação pronominal - assunto bastante explorado em concursos - hoje disponibilizo 30 exercícios com Gabarito sobre colocação pronominal, a fim de que solidifiquem a teoria.
Caso não tenha lido as aulas anteriores, sugiro estes links:


30 Exercícios de Colocação Pronominal com Gabarito


Para as perguntas de 01 a 28 você deverá assinalar com “C “ o que estiver correto e com “I” os
incorretos:

01) ( ) O presente é a bigorna onde se forja o futuro. (próclise)
02) ( ) Nossa vocação molda-se às necessidades. (ênclise)
03) ( ) Se não fosse a chuva, acompanhar-te-ia. (mesóclise)
04) ( ) Macacos me mordam!
05) ( ) Caro amigo, muito lhe agradeço o favor...
06) ( ) Ninguém socorreu-nos naqueles momentos difíceis.
07) ( ) As informações que se obtiveram, chocavam-se entre si.
08) ( ) Quem te falou a respeito do caso?
09) ( ) Não foi trabalhar porque machucara- se na véspera.
10) ( ) Não só me trouxe o livro, mas também me deu presente.
11) ( ) Ele chegou e perguntou-me pelo filho.
12) ( ) Em se tratando de esporte, prefere futebol.
13) ( ) Vamos, amigos, cheguem-se aos bons.
14) ( ) O torneio iniciar-se-á no próximo Domingo.
15) ( ) Amanhã dizer-te-ei todas as novidades.
16) ( ) Os alunos nos surpreendem com suas tiradas espirituosas.
17) ( ) Os amigos chegaram e me esperam lá fora.
18) ( ) O torneio iniciará-se no próximo domingo.
19) ( ) oferecida-lhes as explicações, saíram felizes.
20) ( ) Convido-te a fazeres-lhes, essa gentileza.
21) ( ) Para não falar- lhe, resolveu sair cedo.
22) ( ) É possível que o leitor nos não creia.
23) ( ) A turma quer-lhe, fazer uma surpresa.
24) ( ) A turma havia convidado-o para sair.
25) ( ) Ninguém podia ajudar-nos naquela hora.
26) ( ) Algumas haviam-nos contado a verdade.
27) ( ) Todos se estão entendendo bem.
28) ( ) As meninas não tinham nos convidado para sair.

29) Assinale a frase com erro de colocação pronominal:

a) Tudo se acaba com a morte, menos a saudade.
b) Com muito prazer, se soubesse, explicaria-lhe tudo.
c) João tem-se interessado por suas novas atividades.
d) Ele estava preparando-se para o vestibular de Direito.

30) Assinale a frase com erro de colocação pronominal:
a) Tudo me era completamente indiferente.
b) Ela não me deixou concluir a frase.
c) Este casamento não deve realizar-se.
d) Ninguém havia lembrado-me de fazer as reservas.



GABARITO

01.C
02.C
03.C
04.C
05.C
06.I
07.C
08.C
09.I
10.C
11.C
12.C
13.C
14.C
15.I
16.C
17.C
18.I
19.I
20.I
21.C
22.C
23.C
24.I
25.C
26.I
27.I
28.I
29.B
30.D

09 junho 2010

35 Questões com Gabarito Estilo Banca Cespe/Unb

35 Questões Gabario Cespe/UnbPara os candidatos que irão prestar prova cuja organizadora é a banca Cespe/UnB, eis uma excelente oportunidade para treinar os conhecimentos adquiridos acerca de Português: 35 questões com gabarito bem no estilo Cespe/UnB. Esse material foi preparado pelo professor Agnaldo Martino. Bons Estudos!




Texto para os itens de 1 a 8


Dar o peixe
ou ensinar a pescar?

Ainda é muito comum o argumento de que, no combate à pobreza no Brasil, não se deve dar o peixe, mas ensinar a pescar. Os resultados de pesquisas recentes, no entanto, indicam que ensinar a pescar pode ser muito pouco para uma grande massa de população que já se encontra em situação de extrema privação.
A pobreza é uma metáfora para o sofrimento humano trazido à arena pública, e pode ser definida de maneiras distintas.
Muita energia é despendida na busca de uma definição rigorosa, capaz de distinguir com clareza o sofrimento suficiente do sofrimento insuficiente para classificar alguém como pobre, mas aqui isso não é necessário: apenas para conduzir a argumentação, vamos tratar pobreza como uma situação extrema, na qual se encontram os indivíduos pertencentes a famílias que não dispõem de renda para adquirir uma cesta de alimentos e outros bens de consumo, como vestimentas e medicamentos.
Pesquisas embasadas nesse tipo de definição estimam que uma fração entre um terço e a metade da população brasileira possa ser considerada pobre. Essa é uma definição forte; e estimativas subjetivas de linhas de pobreza demonstram que boa parte da população brasileira ainda consideraria insuficientes as rendas de famílias que se encontram em níveis superiores
aos usados nessas pesquisas como linha de pobreza.
Vamos assumir, também, que a existência desse tipo de pobreza é socialmente inaceitável e, portanto, que desejamos erradicá-la o quanto antes. É óbvio que o horizonte de tempo proposto define que tipos de mudança na sociedade serão necessários.
Provavelmente, um prazo mais curto exigirá políticas mais drásticas. Para manter a argumentação em torno das propostas mais debatidas, atualmente, para a erradicação da pobreza no país, vamos definir como limite razoável algo entre uma e duas décadas.
A insuficiência de recursos nas mãos de parte da população pode ser entendida como resultado ou de uma insuficiência generalizada de recursos ou de má distribuição dos recursos existentes. Logo, o combate à pobreza pode tomar dois rumos básicos: aumentar o nível de recursos per capita da sociedade ou distribuir melhor os recursos existentes. Nada impede, é claro, que as duas coisas ocorram simultaneamente.
Os caminhos para o aumento dos recursos per capita encontram-se entre dois extremos: diminuir a população ou fazer com que a economia cresça mais rápido que ela. Como as estratégias de diminuição da população existente, em um prazo razoável, beiram o absurdo, a proposta de crescimento da economia, maior do que a do crescimento da população, é
geralmente muito mais debatida no Brasil.
Dadas as dificuldades que se colocam para o crescimento acelerado de qualquer economia, durante muito tempo se sugeriu que o problema da pobreza no Brasil poderia ser enfrentado pela via do controle de natalidade. Embora esse argumento, ainda hoje, encontre algum eco fora dos meios acadêmicos, todas as evidências empíricas disponíveis rejeitam a viabilidade da erradicação da pobreza por meio da redução no ritmo de reprodução da população.

Marcelo Medeiros. In: UnB Revista, dez./2003-mar./2004, p. 16-9 (com adaptações).

Acerca do texto acima, julgue os itens a seguir.

1. O texto, apesar de falar em “argumentação”, é predominantemente descritivo, uma vez que apresenta os contornos e as características da parte da população brasileira considerada “pobre”.

2. No primeiro parágrafo, a idéia central pode ser resumida da seguinte forma: é necessário dar bens de subsistência para quem já se encontra em situação de miséria extrema.

3. Do segundo ao quinto parágrafos, é apresentada, entre distintas acepções de pobreza, a que será adotada pelo autor e mediante a qual devem ser entendidas as suas idéias.

4. Nos parágrafos sexto e sétimo, o autor associa a pobreza, fundamentalmente, a aspectos econômicos e financeiros, argumentando que, para saná-la, é imperioso elevar a renda per capita.

5. No último parágrafo, a proposta de diminuição da taxa demográfica de pobres, com o estímulo ao controle e à redução da natalidade, é defendida pelo autor.

6. Além de ser correta, a substituição do termo “despendida” (2º parágrafo) por dispendida não altera o sentido do texto.

7. Em “a metade da população brasileira possa ser considerada pobre. Essa é uma definição forte” (3º parágrafo), há quatro substantivos abstratos determinados por quatro adjetivos.

8. A união entre as orações existentes no trecho “que a existência desse tipo de pobreza é socialmente inaceitável e, portanto, que desejamos erradicá-la o quanto antes” (4º parágrafo) dá-se por processo de coordenação.

9. O emprego do itálico em “per capita” (7º parágrafo) justifica-se por se tratar de uma expressão estrangeira que significa, no contexto, em língua portuguesa, por cabeça ou por pessoa.

10. No último parágrafo do texto, “acadêmicos” e “evidências” recebem acento pelo mesmo motivo.

Os itens subsequentes são reescrituras adaptadas de partes de textos extraídos de UnB Revista, n.º 9, dez./2003-mar./2004. Julgue-os quanto a acentuação gráfica, emprego do sinal indicativo de crase, concordância, regência e pontuação.

11. Políticas de controle da natalidade não são uma solução viável, não só porque violam a liberdade das famílias de decidir seu tamanho, mas, também, porque causam um vazio geracional que, futuramente, poderá ter diversos impactos negativos para a sociedade.

12. O crescimento da economia parece ser uma proposta mais tentadora: crescer aumenta a quantidade de recursos disponíveis e, se os resultados desse crescimento forem distribuídos a todos, a tendência é de que a pobreza seja reduzida.

13. Se o problema da pobreza é, majoritariamente, uma questão de desigualdade e de desequilíbrio, estratégias de erradicação da miséria devem ser formuladas, levando em conta as causas de tais divergências.

14. Visando a formação de novas mentalidades, abertas permanentemente as modificações que ocorrem na sociedade, é necessário um constante diálogo das instituições jurídicas do país com as universidades afim do proveito de ambas, e consequentemente, da sociedade brasileira.

15. O momento atual, a despeito do que muitos afirmam, revela-se uma oportunidade impar para uma reflexão à respeito do funcionamento da administração pública e acerca das funções a serem desempenhadas pela sociedade no estado democrático de direito.
Não há dúvida de que, no início do século XXI, os Estados Unidos da América chegaram mais perto do que nunca da possibilidade de constituição de um “império mundial”. Mas, se o mundo chegasse a esse ponto e constituísse um império global, isso significaria — ao mesmo tempo e por definição — o fim do sistema político interestatal. E o mais provável, do ponto de vista econômico, é que tal transformação viesse a significar também o fim do capitalismo. Em uma linguagem mais próxima da física e da termodinâmica do que da dialética hegeliana, pode-se dizer que a expansão do poder global na direção do império mundial é, ao mesmo tempo, uma força que levaria o sistema mundial à entropia, ao provocar sua homogeneização interna e o desaparecimento das hierarquias e conflitos responsáveis pelo dinamismo e pela ordem do
próprio sistema.

José Luís Fiori. Correio Braziliense, 25/12/2004 (com adaptações).


Em relação ao texto acima, julgue os itens que se seguem.


16. O emprego da preposição “de” em “Não há dúvida de que” justifica-se pela regência da forma verbal “há”.

17. Como na sequência há um complemento oracional, a omissão da preposição “de” em “Não há dúvida de que” também estaria de acordo com as exigências da norma escrita culta.

18. Como o primeiro período do texto apresenta idéia relativa a um único país, o emprego do verbo chegar no singular — chegou — estaria de acordo com as exigências de concordância da norma escrita culta, sem necessidade de outras alterações no texto.

19. Mantêm-se a correção gramatical do período e as informações originais do texto ao se eliminar a palavra sublinhada em “mais perto do que nunca”

20. O emprego do futuro do pretérito em “significaria” é decorrente do emprego de estrutura antecedente que tem valor condicional, formada por verbo no imperfeito do subjuntivo.

21. Pelos sentidos do texto, é correto inferir que a palavra “entropia” está sendo empregada com o significado de equilíbrio, organização.

22. Para o trecho “que levaria (...) à entropia”, a crase se justifica pela regência do verbo levar.

23. Infere-se das informações e dos sentidos do texto que o dinamismo e a ordem do sistema político interestatal em vigor atualmente no mundo podem prescindir de hierarquias e conflitos.


Quase todas as grandes potências já foram colonialistas e anticolonialistas, pacifistas e belicistas, liberais e mercantilistas, e quase todas elas, além disso, já mudaram de posição várias vezes ao longo da história. Nesse contexto, as previsões, liberais ou marxistas, do fim dos estados ou das economias nacionais, ou mesmo da formação de algum tipo de federação cosmopolita e pacífica, são utopias, com toda a dignidade das utopias que partem de argumentos éticos e expectativas generosas, mas são idéias ou projetos que não têm nenhum apoio objetivo na análise da lógica e da história passada do sistema mundial. Apesar de tudo isso, é possível identificar através da história a existência de forças que atuam na direção contrária do poder global e do império mundial. Forças que impediram — até agora — que esse processo de centralização do poder chegasse até o seu limite imperial, o que provocaria a dissolução do sistema político e econômico
mundial.
Idem, Ibidem.

Com referência às ideias e estruturas do texto acima, julgue os itens a seguir.

24. A expressão “Nesse contexto” é um elemento de coesão textual, pois retoma de forma sintética todas as informações do período anterior.

25. A inserção de uma vírgula logo após a expressão “dignidade das utopias” mantém as mesmas relações sintáticas e a informação original do período.

26. Pelas informações do texto, estaria gramaticalmente correta e de acordo com as idéias do texto a substituição do trecho “expectativas generosas, mas são idéias” por: expectativas generosas. Entretanto, essas previsões são idéias.

27. Pela presença das preposições, é correto afirmar que os elementos “da lógica”, “da história passada” e “do sistema mundial” têm a mesma função sintática no período, pois complementam a palavra “análise”.

28. Mantém-se a ênfase da afirmação, sem prejuízo para a correção gramatical do período, se as duas ocorrências da forma “do” forem substituídas por em relação ao.

29. No início do último período do texto, substituir “Forças” por São essas forças constitui alternativa gramaticalmente incorreta para o período, porque prejudica a coesão textual.

30. O emprego do futuro do pretérito em “provocaria” justifica-se pelo emprego do subjuntivo em “chegasse” e admite como gramaticalmente correta a substituição pela forma teria provocado ou por iria provocar.

A responsabilidade política do Poder Judiciário no MERCOSUL é nítida nesta quadra. Precisamos, portanto, com absoluta transparência, discutir e verificar como as nossas instituições jurídicas estão desenhadas. A justiça brasileira ainda está presa às concepções autonômicas do século XIX, e, por isso, o tratado internacional tem sido considerado
norma de natureza ordinária, e, conseqüentemente, é sujeito à modificação, à revogação e à alteração por qualquer legislação ordinária, sem qualquer audiência dos organismos internacionais e dos países que foram co-participantes da elaboração de um tratado, seja ele de qualquer natureza: comercial, civil, tributária.

Internet: .

Acerca do texto acima, julgue os itens seguintes.

31. Na expressão “presa às concepções”, estaria gramaticalmente correta a preferência pela estrutura presa a concepções, em que é omitido o artigo feminino plural, com a permanência da preposição


32. Os 3 últimos sinais indicativos de crase têm justificativas diferentes, e dois deles podem ser omitidos sem prejuízo para a correção gramatical do período.

Considerando que os fragmentos incluídos nos itens seguintes, na ordem em que estão apresentados, são partes sucessivas de um texto, julgue-os quanto à correção gramatical.

33. Uma das causas do congestionamento do sistema judiciário reside na legislação processual que, de tão ultrapassada, enseja recursos inimagináveis em qualquer outro sistema.

34. A multiplicidade de manifestações de insurgência contra toda e qualquer disposição judicial, com invocação das garantias constitucionais de ampla defesa e devido processo, fazem com que o exame do mérito das causas seja adiado quase que indefinidamente.

35. Sucede-se na comarca os juízes e nos tribunais os relatores de modo que, sobre uma única demanda, várias gerações de magistrados se devam debruçar, reiniciando — como se espera — o estudo do feito desde sua página inicial. Itens adaptados.

GABARITO

1. E
2. C
3. C 
4. E 
5. E
6. E 
7. E 
8. C 
9. C 
10. E
11. C 
12. C 
13. C 
14. E 
15. E
16. E 
17. C 
18. E 
19. C 
20. C
21. E 
22. C 
23. E 
24. C 
25. E
26. C 
27. E 
28. C 
29. E 
30. C
31. C 
32. E 
33. C 
34. E 
35. E